quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

9 meses...

Hoje faz 9 meses que a sofia nasceu, mudando as nossas vidas para sempre!

Há 9 meses atrás entrei no Hospital Infante D. Pedro ás 08h30m. Infelizmente sem dores ou qualquer sinal de que ela ia nascer, e digo infelizmente porque me preparei muito para um parto normal, para o dia em que ia começar a ter contracções, as águas iam rebentar e por aí fora...mas nada disto aconteceu e por isso no dia 8 de Maio, dia em que fazia 41 semanas de gravidez, tivemos de provocar o parto!
Não estava nervosa, mas ansiosa. Não me lembro de horas certas, mas sei que assim que entrei fiz o contigo, a minha médica viu a dilatação e nada, fiz um clister, e depois colocaram-me um comprimido no útero para provocar o parto.
Depois fui para a Obstetrícia II, passado um bocado a médica vem ver novamente a dilatação e nada. Mandou-me andar e lá fui andar no corredor. Almocei. Veio um enfermeira que me mandou vestir uma bata do hospital porque já ia para a sala de parto. Ligo ao Sérgio. Vem ele, uma grande amiga e a minha mãe (que estava nervosa e ansiosa). Ainda esperámos quase uma hora e depois mandaram-me para a sala de partos.
Já na sala de partos vem a médica e estava tudo na mesma. Rebenta-me as águas. Passado pouco tempo começam as contracções e começo a fazer a respiração que me ensinaram na aulas de preparação para o parto. No início contracções muito leves que se foram agravando. Mas a dilatação não estava a ser feita. Veio a médica e disse para aguentar mais um bocadinho. Cada vez tinha mais dores e comecei a perder o controlo. Comecei a chorar. Veio a médica e diz que já posso fazer a epidural (Bendita Seja!). Levo a epidural e as dores passam (nem sei como alguma vez pus em causa o uso da epidural!). O tempo vai avançando e nada. A sofia não queria sair do quentinho! Até que por volta das 21h30m, acho eu, vem a médica e diz que já não vamos esperar mais, tenho de fazer uma cesariana. E lá fui eu para o bloco operatório (era domingo e o bloco de partos estava fechado).
Eram 22h36m quando vejo a minha menina pela primeira vez. Chorei, chorei muito de felicidade. Esperei tanto por aquele momento. Limparam-na e deixaram-me dar-lhe um beijinho e levaram-na para cima. Lá, estava o pai e a minha grande amiga à espera dela. Foram eles os primeiro a pegar nela ao colo.
Quando cheguei ao quarto colocaram-na no meu peito e mamou pela primeira vez! Não sei exprimir por palavras o que senti quando a puseram ao meu lado. Estava feliz, muito feliz!
Os dias no hospital, apesar do pessoal ser muito atencioso, desde os médicos, as enfermeiras, as auxiliares, foi muito difícil. Desde o início da hora de visita até ao final tive sempre gente comigo, mas quando chegava as 20h e vinham todos embora era uma dor no coração. Só me apetecia chorar. Sempre disse que para mim o mais difícil seria ficar sozinha no hospital e foi mesmo. Acho que contei as horas, minutos e segundos para me vir embora. Estava desejosa de vir para a minha casa.

Estes meses têm sido fantásticos. A sofia é uma bebé muito calminha, muito simpática, uma doçura. Tem um sorriso lindo. Adora brincar.. Diz mamã e papá. Palra muito. Aponta com o dedinho indicador. Gosta muito de comer. Gosta de ver televisão (principalmente publicidade). Gosta muito de ir à escolinha (ainda não chorou  por eu a deixar lá). Já tem um dentinho, mas parece-me que está para vir outro. Ainda não gatinha mas o pediatra diz que muitas crianças começam a andar sem gatinhar. Já faz muita força com as pernas.

E ontem fez "a galinha põe um ovo..." sozinha pela primeira vez :)






                                        









(sofia com 8 dias)